O QUE VISITAR PERTO…

As Aldeias de Xisto de Góis

O projeto das Aldeias do Xisto nasce em 2000, assentando em bases como a preservação da cultura, o combate à desertificação, a valorização do património arquitetónico construído, a dinamização das artes e ofícios tradicionais e a preservação da paisagem envolvente.

A Rede das Aldeias do Xisto é um projeto de desenvolvimento sustentável de âmbito regional, o qual é regido pela ADXTUR – Agência de Desenvolvimento Turístico das Aldeias do Xisto. Fruto do projeto, vinte sete aldeias do xisto, ao longo do tempo, foram sofrendo alterações significativas de requalificação que fizeram aumentar o seu potencial humano de desenvolvimento.
O concelho de Góis possui quatro do conjunto de aldeias, designadamente, as aldeias de Aigra Nova, Aigra Velha, Comareira e Pena.

Inserido na rede de Aldeias do Xisto, este agrupamento de quatro aldeias do Concelho de GóisComareira, Aigra Nova, Aigra Velha e Pena – está integrado numa estrada panorâmica que as ligará ao Trevim, o ponto mais alto da Serra da Lousã (1204 metros de altitude), a Santo António da Neve e a outras aldeias situadas na vertente oposta da serra. É com os olhos postos no alto que se agradece a existência destas aldeias-memória e a sua recente e progressiva transformação em aldeias-futuro, a chamar para cada uma delas uma nova alma que as belíssimas pedras de xisto, por si só, não podem conter.

É obrigatório parar aqui e deixar-se envolver pelo projecto do Eco-Museu Tradições do Xisto e visitar os seus diversos Núcleos. A simpatia é tão contagiante como é serena a paisagem. É bom saber que, no fundo destes vales, veados e javalis continuam a subsistir imperturbados, como que protegidos do mundo.


( Textos e imagens : https://aldeiasdoxisto.pt/ )
( Info adicional: Municipio de Gois )

Clique nas imagens para ampliar


FAÇA DOWNLOAD DA BROCHURA
Guia das 4 Aldeias de Xisto de Gois